20% Desconto em Imagens de Alta Resolução

20% Desconto em Imagens de Alta Resolução

Neste mês de Junho de 2018 estamos com uma promoção imperdível para aquisição de imagens de Satélite de alta resolução

A constelação DigitalGlobe de satélites de alta resolução oferece incrível precisão, agilidade e capacidade de coleta, imageando o mundo no mais fino nível de detalhes.

Tabela Satélites

Quer saber mais detalhes de cada sensor? Clique aqui e acesse a brochura com as características técnicas de cada satélite!

Ler mais

O projeto esta atrasado e nem sabe disso

Se você faz parte de um projeto ou serviço de qualquer tamanho e ainda não criou uma lista com todas as tarefas, a chance de ter alguma coisa atrasada é bem grande.

Determinar uma lista de tarefas e cumprir o planejamento é essencial para o sucesso de seu projeto, além disso satisfação de seu cliente é garantida.

Hoje nesse post vou falar um pouco de nossa experiência em planejamento de projetos e como esse trajeto nos levou ao desenvolvimento de uma ferramenta simples e muito eficiente, o Geoadmin.

Aqui na empresa já trabalhamos com vários tipos de projeto, sendo nosso foco o Geoprocessamento e Desenvolvimento de Sistemas.

Temos clientes do setor público e privado e alguns destes projetos duraram meses, outros até mais de um ano e a gestão sempre foi um ponto de atenção.

Como a maioria das equipes, sempre começamos nosso planejamento com um plano de trabalho bem definido junto ao cliente e com uma lista de produtos a serem entregues.

Ler mais

Base Dados INCRA – SIGEF

O Geoadmin é uma ferramenta web que possui no mapa as principais bases cartográficas disponibilizadas pelo governo.

Para que isso seja possível nosso time de geoprocessamento periodicamente faz o download dos dados e organiza para que tudo isso seja acessado de forma simples e direta no mapa.

Os dados do INCRA para downloads estão divididos por estado contendo:

  • SIGEF Particular
  • SIGEF Público
  • SNCI Particular
  • SNCI Público

Compatibilizamos todas essas bases em um arquivo tipo Shapefile único, onde você poderá localizar facilmente a parcela.

Ler mais

Pare de apagar incêndio e gerencie seus projetos

Sabemos exatamente quando apagamos incêndio e quando concluímos nossas tarefas dentro do prazo previsto em nossos projetos.

Sabemos que concluir as tarefas dentro do prazo previsto é muito mais saudável para nossa empresa, mas porque os incêndios continuam a aparecer?

Sem dúvidas a falta de planejamento é o principal fator. Mesmo sabendo disso o comportamento não muda.

Você pode ter competência suficiente para resolver muita coisa aos 45 minutos do segundo tempo, mas normalmente sorte está do seu lado.

Esse comportamento acaba tornando-se um mal hábito, lado a lado com a velha desculpa da correria do dia a dia.

Engana-se quem acha que entrega seu melhor agindo dessa forma, sempre existe algo de valor que merecia um pouco mais de atenção, a qualidade do seu trabalho esta diretamente relacionada aos produtos que entrega.

Quando os prazos de fato são perdidos, a história é diferente. Podemos citar vários casos que se repetem diariamente em várias equipes, mas vou citar algumas das principais desculpas que são dadas:

  • “Achei que era pra outra semana!”
  • “Estava cheio de coisas pra fazer!”
  • “Outro cliente estava me ligando todo dia, tive que atende-lo primeiro!”
  • “Não sabia que eu era o responsável!”

Desculpas não adiantam quando um prazo é perdido, tem solução? Claro, mas o desgaste é infinitamente maior.

Você perde muito tempo avaliando as opções, seja junto ao órgão ou até mesmo avaliando questões jurídicas que podem te dar suporte. Muito trabalho extra e desgaste da equipe.

Imagina como seu cliente avalia seu trabalho após um atraso impactar diretamente sua operação.

Se alguma vez esses fatos já fizeram parte da rotina de sua equipe, esta na hora de pensar em mudar a forma de gestão de seus projetos.

Veja quais são os principais pontos que deve ficar atento:

  • Toda tarefa no projeto, por menor que seja, deve ter um responsável.
  • As informações devem estar disponíveis a todos os membros da equipe.
  • Tudo deve estar documentado, a memória humana pode ser incrível mas após um tempo não se lembrará de detalhes importantes.
  • Nunca dependa de informações que estão somente com um membro da equipe.
  • Tarefas de revisão são obrigatórias.
  • Tenha controle de tudo que esta atrasado ou em dia em seus projetos.
  • Avise seu cliente com o máximo de antecedência possível se algo der errado e não puder cumprir os prazos.

O Geoadmin Projetos é um sistema que pode deixar tudo isso mais simples, acesse o link abaixo e conheça.

Conheça o Geoadmin

5 razões para não usar o Google Earth em seus projetos

As imagens de satélite de alta resolução estão cada dia mais acessíveis para aqueles que necessitam analisar as transformações que estão ocorrendo na Terra.

Desde o lançamento do Google Earth, o acesso a informação geográfica por imagem de satélite facilitou a manipulação e conhecimento por vários tipos de usuários, não somente aqueles profissionais da área de geotecnologias.

Foto: Sydney Australia – Sensor WorldView4 – Capture date: January 8, 2017

No início, vários usuários chegavam a questionar se aquela imagem vista no computador era “ao vivo”, ou seja, naquele momento em que se navegava pelo sistema visualizando imagens da Terra. Tal questionamento era considerável devido à resolução espacial das imagens, onde se identificava perfeitamente os alvos/feições do cotidiano das pessoas.

Desde construções ou loteamentos novos até sinalização viária do município, em qualquer lugar do mundo.

Qual é o problema de usar o Google Earth?

Atualmente o Google Earth é utilizado em grande parte dos estudos e projetos que envolvem a aquisição de dados a partir de imagem de satélite.

Vale lembrar que a utilização das imagens oriundas do Google Earth tem limites legais e contratuais, podendo causar transtornos para quem as utiliza de forma ilegal (estamos falando do famoso termo de utilização, que poucas pessoas leem e/ou dão a devida atenção).

Você sabia que as imagens obtidas com o Google Earth ou Google Earth Pro estão sujeitas a termos de uso bem restritivos? Não, você não pode utilizá-las de forma legal, com downloads ou “tirar um print”.

Copiando de forma literal do termo de uso, destacamos as seguintes questões:

a. redistribuir ou vender qualquer parte do Google Maps/Google Earth ou criar um novo produto ou serviço com base no Google Maps/Google Earth (exceto se utilizar as APIs do Google Maps/Google Earth em conformidade com os respetivos Termos de Utilização);

b. copiar o Conteúdo (exceto se o Utilizador tiver permissão para o fazer de acordo com o exposto na página de permissões Utilizar o Google Maps, o Google Earth e o Street View ou com a lei da propriedade intelectual aplicável, incluindo a "utilização razoável");

c. transferir o Conteúdo em massa ou criar feeds em massa do mesmo (nem permitir que alguém o faça);

d. utilizar o Google Maps/Google Earth com a finalidade de criar ou expandir qualquer outro conjunto de dados relacionado com mapeamentos (incluindo um conjunto de dados de mapeamento ou navegação, uma base de dados de fichas de empresas, uma lista de correio ou uma lista de telemarketing) para utilização num serviço de substituição ou num serviço consideravelmente semelhante ao Google Maps/Google Earth;

Para saber mais do termo de utilização, indicamos a leitura direto do fornecedor: Termos de Utilização Adicionais do Google Maps/Google Earth.

Em suma, você não pode utilizar o Google Earth para:

  1. Criar mapeamentos derivados das imagens de satélite (traçar em cima da imagem);
  2. Vender as imagens diretamente ou indiretamente (processos ambientais, etc);

Existem diversos outros problemas de ordem técnica com o uso do Google Earth, mas isto é assunto para outra postagem.

5 razões para não usar o Google Earth em seus projetos

Metadados

Os metadados são as informações técnicas das imagens, onde consta dados daquela cena coletada, como data de coleta, cobertura de nuvem, coordenadas de localização, etc.

Estão presentes em todos fornecedores de imagem de satélite e são as informações necessárias para comprovar o registro de determinada imagem.

Programação de Imageamento

As imagens de satélite podem ser adquiridas em duas situações:

a. Acervo – são aquelas áreas que já houve coleta de determinado satélite e ficam disponíveis para compra. Essas imagens possuem menor custo quando comparadas as imagens programadas, mas não há cobertura de todas as áreas.

b. Programado – através da escolha de uma área e data, pelo cliente, a operadora do satélite faz a programação de coleta exclusiva para aquela cena. É um pouco mais cara que a imagem de acervo, mas é uma imagem inédita, de altíssima qualidade, feita exclusivamente para você.

Bandas Multiespectrais

As bandas multiespectrais possuem a vantagem de de facilitar na identificação dos alvos na Terra, a partir da composição de cores da imagem. Basicamente, pela diferença de frequência das bandas do sensor, os alvos possuem respostas espectrais diferentes, permitindo assim melhor análise da imagem.

Resolução Espacial

A resolução espacial das imagens disponíveis no GoogleEarth não possuem a resolução espacial daquelas adquiridas pelo fornecedor, o que pode prejudicar os estudos, principalmente na identificação dos alvos.

Marca D’Água

Quando se utiliza imagem de satélite do Google Earth em estudos ou projetos, há uma marcação em branco na imagem informando ser uma foto/captura de tela do Google Earth.

Em alguns casos pode atrapalhar na identificação de algum ponto na imagem e demonstrar a utilização não autorizada da imagem.

Na próxima postagem apresentaremos alguns exemplos dos metadados e as diferenças de resoluções espaciais dos produtos DigitalGlobe.

Esse conhecimento é muito importante na hora de aquisição de imagem de satélite, pois a finalidade de cada projeto pode ser determinante para escolha certa da imagem de satélite.

Qual é a alternativa?

A Geoadmin, empresa de soluções em geotecnologias, iniciou em 2018 uma parceria com a DigitalGlobe para o fornecimento dos produtos da empresa, tanto imagens de satélite de alta resolução como serviços de processamentos de dados geográficos.

No gif abaixo, mostramos a diferença das imagens do Google contra a imagem em alta resolução, no formato que ela vem da DigitalGlobe

comparação

Solicite um orçamento com a Geoadmin

Como solicitar suas imagens?

A maioria das imagens que se visualiza no programa Google Earth são fornecidas pela DigitalGlobe, empresa com sede nos Estados Unidos e líder mundial no mercado de imagens de satélite de alta resolução.

Atualmente a constelação da empresa conta com os seguintes satélites, todos de alta resolução:

  • WorldView-1 (0,50m)
  • WorldView-2 (0,46m)
  • WorldView-3 (0,31m)
  • WorldView-4 (0,31m)
  • Geoeye (0,41m)
  • QuickBird (0,61m)
  • Ikonos (0,82m)